Header Ads


Análise aponta um ponto impróprio para banho na Grande Natal


De 33 pontos de banho, um está impróprio na Grande Natal. O resultado está na análise do boletim de balneabidade divulgado nesta sexta-feira (9) pelo programa Água Azul, desenvolvido em parceria pelo Instituto Federal do Rio Grande do Norte (IFRN) e Instituto de Desenvolvimento Sustentável e Meio Ambiente (Idema).
 
A foz do rio Pirangi, em Nísia Floresta, na Grande Natal, foi identificada com alto índice de poluição. A mesma situação foi encontrada na semana passada nos pontos analisados. O estudo é válido por sete dias.
 
A análise é classificada com base na quantidade de coliformes fecais encontrados na água das praias monitoradas e de acordo com o estabelecido em uma resolução do Conselho Nacional do Meio Ambiente (Conama).