terça-feira, 8 de dezembro de 2015

Diap cancela divulgação da lista dos mais influentes do congresso que tinha Cunha, Renan e Delcídio na frente


O Diap, órgão de assessoria parlamentar dos sindicatos, não vai divulgar este ano a lista dos dez cabeças do Congresso Nacional — aqueles que mais influenciam Câmara e Senado. Não é à toa. Quase que de cabo a rabo, a lista seria ocupada por investigados na Lava-Jato. Entre os cinco mais, estariam, por exemplo, Eduardo Cunha, Renan Calheiros e… Delcídio Amaral.