sexta-feira, 22 de setembro de 2017

Justiça libera Kelps para divulgar vídeos vetados pela defesa de Carlos Eduardo na campanha

O Tribunal Superior Eleitoral deu sentença favorável ao deputado Kelps Lima (SD), no processo movido pelo prefeito Carlos Eduardo (PDT) para impedir a divulgação de vídeos veiculados antes da campanha eleitoral de 2016 no Facebook pessoal de Kelps.
Bem humorados, os vídeos faziam sátiras à falta de afinidade do prefeito com a modernidade, e 
mostravam a opinião do parlamentar sobre o que considerava práticas antigas em uma ‘gestão ultrapassada’.
O TSE entendeu que não houve propaganda eleitoral antecipada nem ofensa pessoal à honra do prefeito nos vídeos.
“Havia apenas a livre expressão de opinião sobre a distância entre o tipo de gestão que Carlos Eduardo realiza e a necessária modernidade que Natal tanto precisa no momento histórico pelo qual passa o mundo.”, justificou Kelps, que vai republicar todos os vídeos em seu Facebook.