Header Ads


Anthony Garotinho e Rosinha foram delatados por Ricardo Saud, da JBS.

Anthony Garotinho e Rosinha foram delatados por Ricardo Saud, da JBS.
 
Segundo O Globo, “ele contou, em depoimento de 24 de agosto, que repassou 2,6 milhões de reais, via caixa dois, à campanha de Garotinho ao governo do estado em 2014.
O dinheiro da JBS, segundo Saud, fazia parte de um montante de 20 milhões de reais usados pela empresa para comprar o apoio do PR ao PT na eleição de 2014. Os recursos representavam uma ‘poupança’ referente a benefícios irregulares conquistados pela empresa, como linhas de crédito no BNDES.”
A propina do PT levou Anthony Garotinho e Rosinha para a cadeia.