Header Ads


PM é assassinado na Redinha; número de policiais mortos no RN sobe para 24

De acordo com a PM, o militar estava colocando uma placa no terreno onde morava, com o intuito de avisar à população para não jogar lixo no local, quando foi surpreendido pro dois homens em uma moto

José Aldenir / Agora RN
Com a morte de Dionísio, sobe para 24 o número de policiais militares assassinados no RN apenas em 2018
Um sargento da reserva da Polícia Militar, identificado, por enquanto, apenas como Dionísio, foi assassinado, na manhã desta terça-feira, 6, em um terreno localizado na Redinha, zona Norte de Natal. De acordo com informações da assessoria de imprensa da PM, o militar estava colocando uma placa no terreno onde morava, com o intuito de avisar à população para não jogar lixo no local, quando foi surpreendido pro dois homens em uma moto, que dispararam pelo menos três vezes contra ele.
O policial foi atingido na cabeça por um dos projéteis, e, conforme informações da polícia, teve sua arma roubada pelos criminosos. A PM, inclusive, acredita que o roubo da arma do sargento pode ter sido a principal motivação do crime.
Com a morte de Dionísio, sobe para 24 o número de policiais militares assassinados no Rio Grande do Norte apenas em 2018.